« Home | Para acabar com a religião do trabalho » | Completamente de acordo » | 1º de Maio » | 1º de Maio » | 1º de Maio » | Os milagres do meu filho... » | A Arte, mestra da vida » | Amanhã é o 1º de Maio!!! » | Mas alguém tem dúvidas » | A gripe dá imunidade à Roche.... »

sexta-feira, maio 01, 2009

A falta de memória pode ser perigosa...

Milhares de pessoass saíram à rua para festejar o 1º de Maio e manifestar a sua revolta contra as políticas anti-sociais deste Governo. Meia dúzia de pessoas, presentes na manifestação, em Lisboa, decidiram dar uma ajuda ao PS, e insultar e mandar água (aquela história do quem conta um conto, acrescenta-lhe um ponto, lembram-se?) para cima da delegação do PS, encabeçada por Vital Moreira.
O PS, obviamente, aproveita o incidente e, pela voz do Provedor da Precariedade, vitimiza-se, recordando aqueles tempos algo longincuos em que, na Marinha Grande, um incidente semelhante, fez com que Mário Soares passasse à 2ª volta, como candidato da Esquerda, em detrimento de Salgado Zenha ou de Maria de Lurdes Pintassilgo.

Para as rádios, os jornais e as televisões o 1º de Maio ficou reduzido ao incidente com Vital Moreira.
A situação dramática que muitos vivem pode explicar as reacções. Mas não as justifica. Até porque aprender com a história é um sinal de inteligência e de maturidade.
Claro que o PS não vai sair vencedor graças a estas manobras que alguns lhe dão de bandeja. Os ataques aos trabalhadores, aos seu direitos e à sua dignidade são demasiado grandes para que a vitimização resulte. Mas, 23 anos depois da Marinha Grande, já se devia ter aprendido alguma coisa...e tentado evitar que na ementa tenham cabimento sapos mais ou menos vivos.
O inimigo dos trabalhadores não se chama Vital Moreira. Acho que já, há muitos anos, os clássicos nos ensinam isto...é lamentável que pouco se tenha, com eles, aprendido. E que o sectarismo acabe por servir os interesses dos que temos e devemos combater.

Etiquetas:

30Comenta Este Post

At 5/01/2009 9:02 da tarde, Anonymous João escreveu...

Vital Moreira foi fazer uma acção provocatória que infelizmente teve os resultados que pretendia. Com um pouco mais de tino, uma monumental vaia a Vital e ao PS demonstraria o repúdio às políticas socráticas, sem lhes permitirem a vitimização.

 
At 5/01/2009 11:50 da tarde, Anonymous ribeiro escreveu...

Isabel Faria,

Penso que é exactamente por haver memória, que estas atitudes, discutiveis e censuráveis do ponto de vista do politicamente correcto, acontecem.

Cumprimentos

 
At 5/02/2009 12:57 da manhã, Anonymous Anónimo escreveu...

Para além dessa vaia monumental - que teve mesmo! - só apanhou uns salpicos de água! A coisa não resultou conforme a combinação prévia. E ficam Miguéis, Daniéis e Isabéis a tomarem sobre si dores que nem sequer existiram.

 
At 5/02/2009 9:43 da manhã, Blogger Isabel Faria escreveu...

João, é, exactamente, isso que penso.

 
At 5/02/2009 9:48 da manhã, Blogger Isabel Faria escreveu...

Ribeiro, a Marinha Grande foi um acto politicamnte incorrecto que nos pode ter mudado a história (obviamente isto é especulação...teria sido este país o que foi com Zenha ou Pintassilgo na Presidência em 86?? Não sei...você sabe?).
EStas atitudes não são só censuráveis do ponto de vits do politicamente correcto, são censuráveis. Ponto. Como bem disse e repetiu o Sec. Geral da CGTP na SIC Notícias. A luta dos trabalhadores é, tem que ser uma luta colectiva. Não porque assim é políticamente correcta. Mas para ser vitoriosa.

 
At 5/02/2009 9:56 da manhã, Blogger Isabel Faria escreveu...

Caro/a anónimo/a, podia juntar ao seu plural "Carvalhos das Silvas e Carlos Trindades" respectivamente,coordenador e dirigente da CGTP...ou já lá estão, e daí o plural?

 
At 5/02/2009 11:47 da manhã, Anonymous Anónimo escreveu...

Mais um tiro no pé do PCP.

Mas o BE sabe bem o que são as atitudes sectarias de certas franjas do PCP, basta recordar as atitudes nos anteriores Primeiros de Maio, ou mesmo em algumas concentrações, DITAS UNITÀRIAS.

A CGTP sabia de vespera quem era a delegação do PS que ia apresentar saudações do Primeiro de Maio á Central, bastava ter tomado algumas precauções.

Se se tivessem ficado pelos assobios de alguns manifestantes não viria mal ao mundo.

Tentativas de agressão e acusações de traição, dirigidas a Vital Moreira só podem vir de militantes do PCP, que não perdoam a quem abandona o partido.

È caso para dizer aguentem com as consequências.

Com tanto sectarismo dos dirigentes e alguns militantes do PCP acabam por fazer o jogo do Socrates

 
At 5/02/2009 1:47 da tarde, Anonymous Anónimo escreveu...

"Se se tivessem ficado pelos assobios de alguns manifestantes não viria mal ao mundo.

Tentativas de agressão e acusações de traição, dirigidas a Vital Moreira só podem vir de militantes do PCP"

Claro, os militantes do BE aguentam todas as traições de todos os socialistas a todos os trabalhadores. Mas isso, já todos sabíamos.

 
At 5/02/2009 2:20 da tarde, Anonymous Anónimo escreveu...

No Porto ontem o alvo do sectarismo do PCP, foram os precários do May Day.

Pior que ser ex-militantedo PCP como o Vital Moreira, é ser trabalhador precario, pelo menos para certos militantes do PCP, que fazem parte dos serviços de ordem das manifs da Inter.

 
At 5/02/2009 2:31 da tarde, Anonymous Anónimo escreveu...

Estive presente na maior parte do troço da Almirante Reis e do Martim Moniz por onde passou Vital Moreira e pude observar claramente elementos do RUPTURA (Bloco de Esquerda) e indivíduos que momentos antes distribuiam propaganda de extrema esquerda a acicatar os apupos e agressões. Isso poderá ser confirmado pelo menos nos vídeos da RTP que estao online. Nao é so o PS que quer beneficiar desta fantochada!

 
At 5/02/2009 3:42 da tarde, Blogger Coluna escreveu...

Délio Figueiredo! assim se chama um dos tais provovocadores que aqui criticam. Visto nas imagens da RTP a atirar a tal garrafa e a insultar o racista do moreira (nós europeus). Desculpe isabel, mas é ele sim o nosso adversário. Reina aqui o sectarismo anti pcp, que o vital quis provocar e bloco ajudou. antes de acusar quem quer quer que seja, pense lá onde andavam os meninos do ruptura. e, ao contrário da vossa militante pseudo precária,, que foi pedir desculpa ao sr vital, eu nego-me a pedir desculpa a quem nos explora!

 
At 5/02/2009 6:20 da tarde, Anonymous Anónimo escreveu...

"O inimigo dos trabalhadores não se chama Vital Moreira"

De antologia!

A esquerdista Isabel Faria defende o direito do exlorador Vital Moreira ir provocar os explorados quando estes se manifestam!

Bloco de Esquerda: o cãozinho do PS...

 
At 5/02/2009 9:25 da tarde, Blogger F Nando escreveu...

Pois mas bem vistas as coisas tudo isto me parece de "encomenda" ou seja o engenheiro já tem de sobra para se vitimizar e agora temos isto e já repararam que não se falou de outra coisa?
Vamos ver o que se segue até porque dava jeito qualquer coisa aí com os candidatos ás Camaras.
Uma vitima ajuda sempre

 
At 5/03/2009 2:09 da tarde, Blogger josé palmeiro escreveu...

Não diria perigosa, diria, letal!

 
At 5/03/2009 5:10 da tarde, Anonymous Fernando escreveu...

Em relação à posição de certos dirigentes do BE que por essa blogosfera vieram aproveitar os incidentes para insinuar, com o PS, de que estes acontecimentos tinham sido perpretado pelo PCP (como no Arrastão).

É que no prório vídeo da RTP aparecem dirigentes do BE nos incidentes.

Para isso aconselho verem o seguinte post.

http://salvoconduto.blogs.sapo.pt/80503.html

Vejam entre os segundos 16 e 22.

E ainda há bloquistas a exigir um pedido de desculpas do PCP, coisa fantástica.

 
At 5/03/2009 5:18 da tarde, Anonymous Anónimo escreveu...

Mas então a CGTP não é uma central unitária onde todo cabem? Vital Morera incluido? Afinal não é. E eu que andava enganado e não acreditava quando diziam que era uma central ao serviço do pc. Uma espécie de verdes. E cuidado não pronunciem a palavra trabalhador porque esses eram poucos os que lá iam. Digam antes empregados, funcionários públicos, autárquicos, etc. Trabalhador é uma coisa muito séria.

 
At 5/03/2009 5:25 da tarde, Blogger Isabel Faria escreveu...

Rui Faustino ou companheiro, so te respondo a ti, por absoluta falta de paciencia. Essa veia delatora deve vir do tempo em que os teus camaradas do PCP denunciaram o Chico Martins a PIDE,no Avante...mas es tao mais novo e um homem inteligente,e um crime nao teres aprendido nada...

Nota que em nenhum lugar do post falei do PCP. Nao sei se os meus camaradas do Ruptura mandaram garrafas ou nao...se mandaram, na minha modesta opiniao, fizeram mal.
Repito o que escrevi o meu inimigo nao e o Vital Moreira e o capitalismo...e esse combate se colectivamente. Nas lutas, nas empresas, nas escolas, nas manifestaçoes. Nao em actos isolados que depois os seus mandantes e representantes usam para desviar atençoes e puxarem da vitimizaçao. Como muito bem disse Carvalho da Silva na SIC Noticias.
{E um traidor o Carvalho da Silva!!!, quando e que o saneiam?

estou com os acentos e a pontuaçao no teclado marados no teclado mas deve dar para entender...

 
At 5/03/2009 5:29 da tarde, Blogger Isabel Faria escreveu...

F.Nando, claro que e de encomenda. A historia de 1986 resultou e nmais tarde veio se a saber ser de encomenda...
o grave é ser-se "ingénuo" e darmos-lhes os pretextos que eles procuram. O PS foi convidado...obviamente que a um mes das Europeia seria o Vital que lá iria...obviamente que indo lá o Vital era esta a reacção que o PS procurava e pretendia.

 
At 5/03/2009 9:08 da tarde, Anonymous Anónimo escreveu...

Isabel Faria se se der ao trabalho de passar pela Blogosfera, verá que a preocupação hoje do PCP é encher as caixas de comentarios de todos os Blogues que falam deste assunto do Primeiro de Maio,com o mesmo argumento , e até com as mesmas frases, parecem tiradas a quimico.

Foi um militante do BE que provocou tudo o que se passou no Martim Moniz, o PCP nem os seus militantes e simpatizantes não tiveram nada a ver com isto.

Para mal da estratégia montada, afinal aprenderam alguma coisa com o KGB, o militante José Saramago publica hoje um artigo no DN , e com ele lá se rompeu-se a teia que tão trabalhosamente o PCP tecia desde ontem.

Até o Vitor Dias foi buscar uma fotografia em que se vê o Pureza e outros dirigentes do BE e o tal individuo, que eles acusam e ser o UNICO responsavel pelo que se passou.

Querem fazer de nós parvos eu vi imagens, de tentativas de agressão ao Vital, de tentarem agarrá-lo, de gritarem-lhe frases cara a cara, de lhe cuspirem e eram várias pessoas, certamente que para o PCP que não quer tirar as necessarias conclusões do seu entranhado sectarismo, tenta passar a batata para outro.

 
At 5/03/2009 9:37 da tarde, Anonymous Anónimo escreveu...

Isabel não sei se leste mas no Porto no Primeiro de Maio os trabalhadores precarios do May Day, tiveram problemas com o serviço de ordem da Inter para integrarem a manifestação, e houve mesmo cenas de murro e escaramuças.

Estamos a falar de trabalhadores precarios, e mesmo assim são tratados como inimigos por certos sectores da Inter.

Julgo que o sectarismo estranhado em sectores da CGTP ligados ao PCP, a par diga-se de sondagens que lhes são pouco favoraveis, estão a fazer perder a cabeça á direcção do PCP.

Nada que quem conhece os seus metodos se admire, acho que é preciso topete, tentar acusar e logo com nome só falta a morada e o numero de telefone alguem que dizem ser do BE , e esquecerem todos os outros rostos que aparecem nas imagens.

Mas a dúvida que fica, é se o PCP tambem não queria dar uma lição ao Vital Moreira.

Repara, de vespera a CGTP e consequentemente o PCP foram avisados de quem seria a delegação.

Seria lógico que por precaução , o serviço de ordem estivesse atento, e interviesse com prontidão se algo não corresse bem.

Espantoso, o seviço de ordem quase não existiu, e quando apareceu não evitou as tais cuspidelas, empurrões e outros mimos com que presentearam o Vital Moreira.

Só que perante o avolumar da contestação e do aproveitamento inteligente do PS, o PCP não encontrou melhor escape do que tentar passar a acusação para o BE, afinal seu principal e pelo vistos ÙNICO inimigo de estimação.

Talvez os resultados das sondagens que têm aparecido, e não são nada favoraveis ao PCP, e para cumulo o BE até aparece á sua frente , supremo sacrilégio,os leve a este afã de acusar dos incidentes primeiro foi um tal Délio, desconheço quem seja, mas deve ser um dirigente muito importante do BE, pois eles publicaram centenas de comentarios sobre ele nestes dias,ou os tais vendedores do Jornal Ruptura, que tambem são metidos no pacote.

Tu falas do Chico e do Avante.

Não sei porquê , eu lembrei-me do 25 de Novembro, do que aconteceu ao PCP (nada até continuou no Governo), e do que aconteceu á esquerda revolucionaria, mortes ,e prisões dos seus militares mais importantes.

Pode parecer que os assuntos nada têm a ver um com o outro, mas ou eu me engano muito ou o assunto Vital Moreira, vai servir para uma escalada nos ataques ao BE, com calunias insinuações, denuncias pidescas, em suma tudo o que servir para tentar desacreditar o BE.

É preciso vigilancia, pois a provocação , é uma arma que o PCP sabe utilizar com mão de mestre.

 
At 5/03/2009 10:16 da tarde, Blogger Isabel Faria escreveu...

O que vai por aí em relação ao Délio é quase delirante...creio que é no Arrastão, que já o acsusam de ter sido ele a incentivar os outros e a fugir às cãmaras com o que aprendeu na ...UDP.
Que querem que vos diga? È delírio a mais.Penso que raia a insanidade mental. Basta olhar para o video para ver o que se passou. O resto é tão vergonhoso como a estratégia do PS. O PS vitimiza para tentar tirar dividendos...o PCP acusa para tentar não sair vitima de uma situação que sabe, todos os que vamos a manifestações ditas "unitárias" não acontece só ali...nem sequer (ou essencialmente?) com gente do PS ou da Direita e que resulta do sectarismo de muitos dos seus militantes. Basta ver o exemplo do que se passou no Porto...basta lenbrar-me do meu 1º de Maio do ano passado...basta...basta...
basta que algum de nós tenha ido a qualquer uma dessa manifestações e se identifique como não PCP.

De qualquer forma saliento que EU neste post nem nunca falei no PCP, ...mas nem mesmo assim isso evitou que se queimassem...quem tem rabos de palha, não è?

O Délio passou a inimigo e a bode expiatório do PCP nas caixas de comentários da Blogosfera.

Para quem conhece bem o Délio dentro do Bloco e sabe o que ele pensa e defende, acaba por ser de uma exteama e patética (ou dramática?)ironia...
O Délio é meu camarada de Moção, e sempre defendeu que eram necassárias convergências com o PCP...acaba por conhecer da pior maneira que os principais respsonsáveis da impossibilidade dessas convergências são o sectarismo e a falta de carácter de muitos dos seus militantes. A maioria cobardemente anónimos, ainda por cima.

E acaba por ser também quase dramático, para mostrar até que ponto as pessoas podem ir que tenha sido quem foi que o "denunciou" nesta caixa de comentários, com nome, apelido e tudo.

Digamos que, e este comentário tem algo de privado, há gente que nunca deveria ter por aqui passado...pelo Bloco, digo eu. Pairarão sempre como nódoas. De falta de carácter e de cobardia.

Enfim, um Partido é feito de homens e mulheres de carne e osso...
Obviamente isto também é válido para o PCP. Sò é pena que muitos dos seus dirigentes não o queiram entender.

 
At 5/04/2009 12:21 da manhã, Anonymous ribeiro escreveu...

Isabel Faria,

Este "caso" do 1º de Maio, de facto, já tem demasiados comentários e conclusões, na maioria dos casos, na minha modesta opinião, precipitadas.
Como a Isabel disse, "a vida dos partidos e organizações é feita de homens e mulheres de carne e osso", que pensam e vivem o dia a dia, alguns com muitas necessidades, e torna-se muito difícil ou até impossível conter afirmações ou atitudes menos adequadas em determinadas situações.
Porque, felizmente, as pessoas não são carneiros.
O PS - partido no poder - sabe isto e explora estas fragilidades a seu bel prazer, contando com a sua ampliação através da dita "comunicação social", sempre a postos e presente nestes acontecimentos "espontâneos".
O primeiro de Maio de 1975, a Marinha Grande e outros são disso um exemplo acabado.
Torna-se portanto muito difícil passar ao lado destas manipulações previamente estudadas e ardilosamente executadas,- aqui entra a carne e o osso.
Penso que até aqui estaremos mais ou menos de acordo.
O que lamento neste caso, é que algumas pessoas afectas ao BE, através da blogosfera, embarcaram com bastante facilidade, e agrado, nesta farsa, de forma um tanto ao quanto altaneira, crucificando exclusiva e abusivamenteo PCP.
No Arrastao, o Daniel Oliveira, decidiu pôr em práctica a teoria do Santos Silva, e "malhou" forte e feio no PCP, unico responsável pelos acontecimentos, segundo o mesmo.
No Ruptura Vizela, os comentários do Cruz Mendes, sobre um post do José Manuel Faria, vão no mesmo sentido.
Naturalmente, que, perante estes factos, haja alguma satisfação com o visionamento das imagens televisivas do acontecimento onde se podem identificar elementos ligados ao BE.
Como é costume dizer-se, uma imagem vale mais que mil palavras, e estas são preciosas e bastante elucidativas.
Ninguém concluiu que os elementos do BE foram os unicos causadores da vaia, mas penso que é justo dizer, que, entre outros, também participaram ao contrário do que se disse e escreveu.
Posto isto, concluo o seguinte: Vital Moreira foi vaiado numa manifestação do 1º de Maio, por pessoas que não se identificam nem querem as políticas seguidas pela maioria que o suporta.
A forma de protestar não foi a mais correcta mas também não foi assim tão grave como querem fazer crer.
considero incorrecta a conclusão que faz sobre o Délio. O Délio não é o bode expiatório, é simplesmente a prova da não exclusividade tão entusiásticamente apontada.

Cumprimentos

 
At 5/04/2009 12:57 da manhã, Anonymous Anónimo escreveu...

Neste momento o alvo a abater para o PCP é o Daniel Oliveira e o Arrastão, já é tratado de Blogue Hediondo.

Aonde vai levar esta paranoia do PCP para se livrar das responsabilidades e acusar o BE.

Já agora porque não pegar nas reportagens da SIC TVI e RTP, e fazer fotografias de todos os envolvidos no incidentes.

Garanto que era uma forma de virar o feitiço contra o feiticeiro.

Como o PCP não entende outra linguagem, era facil revelar os seus militantes envolvidos na arruaça contra o Vital.

Era remédio santo acabava-se logo a campanha contra o Bloco.

 
At 5/04/2009 2:38 da manhã, Anonymous Anónimo escreveu...

Sondagem DN-Universidade Catolica, eleições Legislativas

PS-41%
PSD-34%
BE-12%
PCP-7%
CDS-2%

 
At 5/04/2009 9:13 da manhã, Blogger Isabel Faria escreveu...

Anónimo das 12.57, espero sinceramente que ninguém do Bloco se lembre de começar a identificar quem aparece nas imagens das televisões...há coisas em que é muito bom ser-se diferente.
Seguramente que há camardas meus que reconhecem muitos dos que aparecem naquelas imagens (afinal, a gente enontra-se tantas vezes por aí e ainda bem). Quero acredittar que nenhum se lembrará de as identificar.

 
At 5/04/2009 9:18 da manhã, Blogger Isabel Faria escreveu...

Caro Ribeiro, não vale a pena tentar confundir as coisas.
Lanço-lhe dois desafios sérios e cordiais: encontre no meu post (é dele que falo e é sobre ele que me responsabilizo) qualquer acusação em relação ao PCP.
Encontre nesta caixa de comentários quem delata e quem acusa, com nomes e tudo.
E, como somos todos de carne e osso, e de Esquerda, presumo,seja justo e critique não quem, mas o que é criticável.

umprimentos para si também.

 
At 5/04/2009 3:17 da tarde, Blogger F. escreveu...

Isabel:

Coluna é o António G.

Eu sempre fui o Chalana.

Quando não lhe interessa, você assobia a cantilena da sua sua "pesudo-independência".

Na realidade, mostrando total ausência de escrúpulos, logo trataram os dirigentes do BE de se unir ao coro das virgens púdicas da social-democracia.

Mesmo sabendo que militantes seus estavam envolvidos nos incidentes, preferiram alimentar a calúnia de que o PCP tinha provocado os incidentes, por puro oportunismo político.

Que espera você que eu pense do BE?

 
At 5/04/2009 3:21 da tarde, Blogger F. escreveu...

E olha, há uma boa parte de mim que só temo pena de não lá ter estado ao pé para lhe dar com o cartaz na tromba!

Mas ainda bem que defendes com tanto afinco o direito dos exploradores irem provocar e aproveitar-se politicamente duma manifestação de explorados!

Põe essa no curriculum!!!

E não te esqueças de pagar o bilhete de metro no dia da Revolução...

 
At 5/04/2009 3:25 da tarde, Anonymous Anónimo escreveu...

Quem poderia chamar ao Vital Moreira traidor ?

Quem poderia chamar ao Vital Moreira quando tentava agredi-lo VENDIDO TRAÌSTE O PARTIDO?

A que partido se referiam estes arruaceiros, alguem tem dúvidas?

Querem a minha opinião sincera, o PCP quis humilhar o Vital Moreira, e por isso não teve os cuidados habituais a nivel do serviço de segurança para protejer a delegação do PS.

Se neste anos todos com Sampaio , Ferro Rodrigues nunca houve problemas, porquê este ano?

Por causa do Vital Moreira óbvio.

E porquê o Vital Moreira, porque para o PCP, é um vendido, um traidor , um homem que traiu o partido.

Obvio, mas não para o PCP.

Ou antes tambem é óbvio para o PCP, só que as consequências do acto, pagam-se, e dirigentes como a Ilda Figueiredo , Jeronimo de Sousa, já para não falar no deputado Manuel Tiago, uns pelo silêncio, outros com frases do tipo, quem agrediu os trabalhadores foi Vital Moreira, acabaram por avolumar uma questão que de outra forma, passaria quase despercebida.

Que há boa maneira do KGB e da Stasi, o PCP tenha entrado na provocação , primeiro falando num militante do BE, depois que era todo o BE que estava por detras das agressões ao Vital, como alguem comesse semelhante patranha,a mim não me admira.

Basta lembrar-me o papel provocatorio que o PCP teve no 25 de Novembro, e que lhe valeu continuar no Governo.

Agora para militantes do BE mais novos que desconhecem as praticas do PCP, isto pode ter sido uma óptima lição.

E quando defenderem alianças com o PCP, lembrem-se que alianças fazem-se nas fábricas, nos locais de trabalho, no dia a dia de luta , mas em nenhuma situação com direcções sectarias e provocadoras , que não hesitam a utilizar métodos que se pensava estar no sótão das velharias, para se desresponsabilizarem das arruaças em que se metem.

Quanto a imagens há muitas para todos os gostos, mas como diz a Isabel , o BE tem outro tipo de matriz fundadora, e não tem espirito de BUFOS nem utiliza métodos PIDESCOS, mas por vezes quando a luta politica entra pela provocação como o fez o PCP em relação ao Bloco, para mim a resposta necessaria era utilizar as mesmas armas.

Mas aí todos os provocadores ao serviço do PCP na Net, apareceriam a acusarem o Bloco de fazer o jogo do PS, por identificar os membros do PCP metidos na arruaça ao Vital Moreira.

 
At 5/04/2009 6:53 da tarde, Blogger Isabel Faria escreveu...

Rui Faustino, como é óbvio não te respondo.

 

Enviar um comentário

<< Home