« Home | Riscados!!!! » | Vale a Pena...não cruzar os braços!! » | Notas dirigidas a mim » | Criatividade e qualidade precisam-se!! » | A gente volta.... » | No meu mundo cheio de dúvidas... » | No lugar onde guardo os sorrisos, ficará para semp... » | Passos Coelho "jamai" » | Mas nós cidadãos também temos culpa » | Se o jipe vai cheio, onde vão os trapinhos do casa... »

segunda-feira, agosto 17, 2009

Entre barcos e navios...


O crescimento é sempre um processo doloroso. O nosso e o dos nossos.
Estes últimos tempos não têm sido fáceis em termos de crescimento.
A maioria das vezes falta-me a capacidade de substituir as palavras para o meu filho...pelas palavras para o meu filho/homem!
Depois de algumas tentativas desastradas, acho que demos mais um passo em frente...creio que ele entendeu que, para mim, tem sido sempre, um barco lindo, que, umas vezes, consigo manter ancorado em porto seguro, outras tantas, como agora, dada a força das correntes, temos que remar em conjunto...e acredito, mas acredito mesmo, que para ele eu ainda sou o...Queen Mary 2 (ok, deixem-me ser imodesta!!)...Apesar de muitas vezes não lhe apetecer nada andar a fazer cruzeiros...e de muitas vezes eu ainda não ver isso com bons olhos...
Talvez tenhamos superado mais umas dores de crescimento!

Etiquetas:

2Comenta Este Post

At 8/17/2009 11:37 da manhã, Anonymous Anónimo escreveu...

Pois é, eles vão crescendo , e nós só os vemos como crianças grandes....

O mesmo problema , tiveram os nossos pais.
E não há manual, que explique , como lidar com as situações, pois cada caso é um caso.

Fazemos todos o melhor que nos é possivel, muitas vezes erramos, È A VIDA......

Boa sorte

 
At 8/17/2009 7:17 da tarde, Blogger Daniel Arruda escreveu...

O meu só tem 9 anos e quase que sofro do mesmo mal. Que bem que te compreendo.

 

Enviar um comentário

<< Home