« Home | Por cima? Ao lado? » | Esperas » | Orquestra Sinfónica de Kinshasa » | Os meus restaurantes XI » | Desapareceu » | Festa do pão e da laranla na Vidigueira » | Azia ou azar » | São uns malcriados!!! Brrrrr » | A invenção do Amor » | O meu fim-de-semana »

quinta-feira, março 26, 2009

Os gajos olham...e nove meses depois...sai bebé?'!!

A Émièle chamou-me a atenção para este "estudo" (desculpem não resisto às " e vês, amiga, que eu vou ao Pópulo, madrugadazinha...!!??) e eu que adoro estes "estudos" não resisiti.
A mim, o que me faz alguma confusão nem é o tempo que um homem leva a apaixonar-se...nem sequer que o facto de olhar mais para uma mulher que acha interessante fazer presumir que já está caídinho (são uns pinga amores, estes gajos...). Também não me faz muita confusão a parte de que as mulheres olham para todos durante o mesmo tempo, quer os achemos interessantes ou não (presumo que seguindo a lógica: quer estejamos a ficar caídinhas ou não...somos muito mais democráticas e mais simpáticas e boazinhas que eles...).
O que verdadeiramente me faz confusão é aquele último parágrafo: "Mas as mulheres mostram-se cada vez mais atentas e preocupadas em atrair a atenção, devido aos riscos de gravidez indesejada e ao aumento dos casos de famílias monoparentais.". Nunca, mas nunca mesmo, me tinha passado pela cabeça que pudesse engravidar, por um homem olhar para mim...é por estas e por outras que muita gente me considera (ok, eu incluída...) um espécime pouco representativo. Nunca serviria para estatistica nenhuma nestes "estudos"!! As empresas de sondagens, sabendo isso, nunca me sondam para nada,seja para saber em que Partido voto ou se uso guardanapos de folha simples ou dupla... Que porra!!

Etiquetas:

6Comenta Este Post

At 3/26/2009 8:24 da manhã, Blogger Emiele escreveu...

:)))
'Brigadinho! Realmente assim mostras que passas por lá. Dizias, dizias, mas... eu tinha as minhas dívidas.

Também me chamou a atenção essa questão estranhíssima: os homens olham para nós e avaliam em 8 segundos se somos férteis, etc e tal. ou seja, uma coisa que vem lá dos confins dos séculos. por outro lado, nós olhamos para eles e o que nos ocorre é a ideia de «gravidezes indesejadas e famílias monoparentais», coisa que me parece muuuito actual.
Estranho...

 
At 3/26/2009 9:30 da manhã, Blogger Isabel Faria escreveu...

("eu tinha as minhas dívidas"...bem, amiga, como é que tinhas e já não tens??? Dás-me a receita, faxavor?? Assim do pé para a mão, para eu pagar ao Santander e ser uma gaja tão feliz que até acredito que o Georgito olha para mim do ecran da sala de cinema e sai um Georgito em miniatura!!??).

Temos que concluir que os homens têm capacidades que nem nos passam pela cabeça...e que nós somos, efectivamente, uns seres muito complicados...na volta os clichès têm razão...

 
At 3/26/2009 4:02 da tarde, Blogger josé palmeiro escreveu...

Deixa-me precisar: São 8,2, nem mais nem menos, e já está, ficamos logo apaixonadíssimos. Não é bom???

 
At 3/26/2009 5:11 da tarde, Blogger Isabel Faria escreveu...

José, se não é bom??? É óptimo.
Ainda há pouco tive o meu colega da secretária ao lado a olhar para mim muitoa mais que isso por causa dum parvo dum documento que saia todo marado...calculo o estado em que o pobrezinho se encontra neste momento.E nem quero pensar nos riscos que corro quando a mulher por aqui passar...

 
At 3/27/2009 4:24 da tarde, Blogger josé palmeiro escreveu...

Bem, aí só há uma meneira, é fazer como às cavalgaduras e colocar-lhes um cabresto, já só podem olhar para a frente, o que nesse caso, como está ao lado, o livrava dessa paixão!!!

 
At 3/28/2009 3:14 da tarde, Blogger Sin escreveu...

ahahahah, de facto o artigo está uma pérola, ainda bem que não sou homem, senão teria de começar a cronometrar os segundos que olho nos olhos de alguém, não fosse enviar luz verde para uma gravidez indesejada sem querer lol

 

Enviar um comentário

<< Home